Noticia: Futuros arqueólogos aprendem a fazer escavações na Freita

>> quinta-feira, 17 de junho de 2010

O planalto da serra da Freita, no território de Vale de Cambra, deverá ser a primeira abordagem da Escola Profissional de Arqueologia (EPA), que inicia escavações no concelho no próximo mês.
“O planalto da Freita, como toda a nossa serra, era uma zona de passagem dos Romanos e, por isso, vamos ter ali algumas surpresas”, disse o presidente da autarquia, José Bastos, citado pela agência EDV Informação.

Segundo o autarca, os primeiros sinais apontam para “uma área potencial” em termos arqueológicos, com vestígios “muito escondidos”, enterrados entre a vegetação.

“Quando forem descobertos, estamos certos de que vão ser um bom motivo para visitar Vale de Cambra”, frisou.

O grupo de alunos da EPA, que chega em Julho ao município, é a primeira iniciativa enquadrada no protocolo celebrado entre aquele estabelecimento de Marco de Canaveses e a autarquia.

“Esperamos que seja uma colaboração profícua e duradoura”, disse a directora da EPA, Margarida Moreira.

Os alunos, e futuros técnicos, estão preparados para o trabalho, numa experiência que para além da oportunidade de colocarem em prática as matérias leccionadas nas aulas, é também uma forma de continuarem a aprender.

Os trabalhos arqueológicos, cujos custos de alimentação e alojamento são suportados pela Câmara de Vale de Cambra, decorrem nos meses de Julho e Setembro.

O protocolo de colaboração celebrado entre a autarquia e a EPA dotará o município de um recurso técnico para o desenvolvimento de trabalhos arqueológicos.

Além de beneficiar o estabelecimento de ensino, que encontrará em Vale de Cambra condições de formação adequadas para os seus alunos, o acordo estende-se à cooperação, divulgação, organização e promoção de conferências, exposições, seminários e intercâmbio de livros e revistas.

1 comentários:

Helena Teixeira 18 de junho de 2010 14:48  

Olá!
Aulas práticas, acho muito bem.Lembro-me de em adolescente fazermos escavações e limpezas em vias romanas do concelho de viseu.

Já conhece alguma das 12 Aldeias Históricas de Portugal? Não perca tempo, venha descobri-las orientado pelo livro “Aldeias Históricas de Portugal – Guia Turístico”. Veja um excerto da obra em www.olhodeturista.pt ou adquire-a já na loja virtual. Mais informação ou para ajudar a divulgar, contacte-nos para aminhaldeia@sapo.pt

Abraço
Lena